Empreendedorismo – pode ser uma opção de carreira?

A pergunta que dá o mote a este artigo, tem uma resposta difícil, ou melhor, tem uma resposta que tanto pode ser um efusivo “sim”, um imperioso “não” ou um pensativo “talvez”. Mas vamos por partes.

Primeiro, o que é, afinal, empreender? Embora se associe à abertura de um negócio em nome próprio, é muito mais do que isso. Empreender é criar algo diferente, inovador e que vai deixar marca na sociedade.

E é aqui que surge o segundo ponto: empreender é para qualquer pessoa? Se viver comprometido(a) com um negócio ou se viver com uma boa dose de risco é algo que não está no seu dicionário, bem, é provável que ser empreendedor não seja para si.

Agora, se tem uma ideia a viver na sua cabeça há já algum tempo, se é corajoso(a), resiliente, paciente, criativo(a) e crente, parabéns! Empreender é um verbo que liga bem com a sua personalidade.

Assim, já deixámos de lado o “não” e o “talvez”, e vamos analisar o “sim”, o “sim, empreendedorismo é uma opção de carreira”.

Optar por empreender pode acontecer mal termine a Universidade ou, até, quando já está no mercado profissional. No nosso artigo “5 motivos para empreender”, demos o exemplo de como, muitas vezes, este contexto surge após a perda de emprego ou desgaste na situação profissional em que se encontra. Há quem nasça com o espírito empreendedor – aqueles colegas que ainda na escola já faziam bijuteria ou cobravam pela elaboração dos trabalhos de casa – e há quem se veja obrigado(a) a enveredar por esse caminho.

Mas numa sociedade que preza cada vez mais o balanço entre a vida pessoal e familiar, ter o seu próprio negócio, embora seja mais exigente do que trabalhar por conta de outrem, abre a janela de oportunidade de gerir melhor o tempo para cada área da sua vida.

Outra das vantagens de optar pelo empreendedorismo é a constante necessidade que sentirá em aprender. Sim, aprender. É o seu negócio, é óbvio que não dominará todas as áreas, mas é provável que, no início tenha de fazer um pouco de tudo. E irá crescer. E crescer dói, claro, por isso se fala tanto em dores de crescimento, mas também se diz que para se alcançar grandes feitos tem de se sofrer um bocadinho.

Empreendedorismo é, sim, uma opção de carreira. Não para os que não sonham, não para os resignados, não para os poucos lutadores. Empreender é para os que sentem que têm muito para dar ao mundo, arregaçam as mangas e fazem tudo para implementar mudanças.

Ao subscrever a nossa newletter, concorda que os seus dados sejam guardados e utilizados para envio da newsletter